Seguidores

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

ERA UMA VEZ... UM PASSARINHO

ERA UMA VEZ...


UM PASSARINHO




Terezinha Guimarães




ERA UMA VEZ...
ERA UMA VEZ, NÃO!
ESSA HISTÓRIA
NÃO TEM
PRINCESA NEM ANÃO
NÃO TEM MADRASTA,
NÃO TEM
CASTELO NEM DRAGÃO
ESSA HISTÓRIA...
É DE UM PASSARINHO QUE GOSTAVA DE CANÇÃO.
E QUE VIVIA EM UM JARDIM
FLORIDO E PERFUMADO
DE UM CASARÃO.


O PASSARINHO VIVIA A CANTAR
DESPERTAVA BEM CEDINHO
E LOGO IA SE BANHAR,
NO LAGUINHO QUE FICAVA
LÁ PERTO DO POMAR.
APÓS SE REFRESCAR
VOAVA PARA A GOIABEIRA
E UMA DELICIOSA GOIABA
COMEÇAVA A BICAR.


DE PAPINHO CHEIO
VOAVA LÁ PARA O MEIO,
MEIO DE ONDE?
SÓ PODE SER DO JARDIM.
LÁ CRESCIA
UM LINDO
PÉ DE JASMIM,
QUE O PASSARINHO PENSAVA:
“DEUS FEZ PRA MIM"


COMEÇAVA ENTÃO
A CANTORIA...
ENCHIA O PULMÃO,
NÃO SÓ DE AR
MAS TAMBÉM DE MUITA ALEGRIA.
EM SEU PEITO
HABITAVA UM DESEJO
DE VER O MUNDO
MAIS BONITO E PERFEITO.
SABIA QUE ERA DIFÍCIL
MAS, COM SUA AJUDA
NÃO SERIA ASSIM TÃO IMPOSSÍVEL.


CANTAVA O DIA INTEIRO
COMO ELE ERA MATREIRO!
ALÉM DE CANTAR
O DIA INTEIRO
VOAVA DE FLOR EM FLOR,
PENSAVA: “AMO O JASMIM”
MAS TINHA TANTO AMOR!
QUE VOAVA A REPARTIR
ESSE IMENSO AMOR
COM CADA FLOR
DE TODO O JARDIM.


CERTO DIA, O PASSARINHO
ESTAVA EM UMA ÁRVORE,
NO GALHO MAIS ALTO
A CANTAR UMA BELA CANÇÃO.
DE REPENTE...
VEIO UM VENTO FORTE
COMO UM FURACÃO,
O PASSARINHO ASSUSTADO
PAROU SUA CANÇÃO.


TUDO COMEÇOU A VOAR,
AS FLORES A DESPETALAR,
AS ÁRVORES A BALANÇAR,
E SUAS FOLHAS A DANÇAR
COM O VENTO,
E TUDO COMEÇOU A MUDAR.


O PASSARINHO QUERIA AJUDAR
MAS ELE SÓ SABIA CANTAR.
ENTÃO PENSOU: “PRECISO COLABORAR”
PARA ESTE VENTO RECUAR.


MESMO COM O GALHO
A BALANÇAR,
O PASSARINHO SE PÔS A CANTAR.
UM CANTO DIFERENTE,
UM CANTO QUE ENCANTA
A ALMA DA GENTE.
O VENTO FOI SE ACALMANDO...
ACALMANDO... ACALMANDO...



O CANTO DO PASSARINHO
FEZ O VENTO
RECUAR.
E DE UM VENTO FORTE
COMO UM FURACÃO;
TRANSFORMOU-SE
NUMA BRISA
QUE MANSIDÃO!


E O PASSARINHO
FICOU FELIZ
SABENDO QUE TUDO
VOLTARIA AO NORMAL,
E O JARDIM NOVAMENTE
SERIA SENSACIONAL.


ELE CONTINUOU
A CANTAR... CANTAR...
E A TODOS ENCANTAR,
E VIVEU FELIZ PARA SEMPRE.
FELIZ PARA SEMPRE?
QUE É ISSO?


ESSA HISTÓRIA,
NÃO TINHA PRINCESA NEM ANÃO,
NÃO TINHA MADRASTA,
NÃO TINHA CASTELO NEM DRAGÃO.
SÓ TINHA UM PASSARINHO,
QUE GOSTAVA DE CANÇÃO
E COM UM ENORME CORAÇÃO.
ENTÃO...
VIVEU FELIZ ATÉ SEU CANTO
CESSAR...



Retirado do Livro: ERA UMA VEZ... UM PASSARINHO


TEREZINHA GUIMARÃES

2 comentários:

  1. Magnífico trabalho! parabéns! seu talento é inspirador!

    ResponderExcluir
  2. QUE LLINDO, QUE TALENTO!!!
    BJUS JÁ TO TE SEGUINDO.

    ResponderExcluir